Cancel Preloader

Naufrágio de Belinho

  • João Paulo Ramos
  • 08 Nov, 2022
  • 0 Comentários
  • 1 Min Read

No dia 8 de novembro, tivemos a oportunidade de assistir a uma palestra sobre o Naufrágio de Belinho, orientada pela arqueóloga da Câmara e uma mestranda em História da Arte. Aí soubemos que um grupo de pessoas de Belinho, na sequência de uma tempestade, encontrou uma peça de madeira, que, depois de solicitados os serviços de arqueologia da Câmara Municipal, ficou a saber-se pertencer a um antigo navio do século XVI. A partir daí, a investigação dos serviços de Arqueologia da Câmara Municipal de Esposende, com a colaboração de vários especialistas internacionais, foi possível recolher vários objetos, identificar e confirmar a sua idade e a pertença do mesmo navio. Pudemos observar imagens de pratos, colheres, machados, castiçais, espadas, diferentes tamanhos de balas e de canhões, bem como várias peças do navio, entre outros. E foi-nos dado a conhecer como se faz o registo e inventários das diferentes peças. No final, ainda pudemos observar alguns desses objetos que se encontram em exposição na Biblioteca da Escola.

Esta sessão foi importante para que todos estejamos atentos e sensibilizados para respeitarmos a memória do passado através dos vestígios, que todos nós podemos encontrar.

Os alunos do 8.º MB