Cancel Preloader

Alimentação e COVID-19

  • João Paulo Ramos
  • 02 Abr, 2020
  • 0 Comentários
  • 2 Mins Read

O cuidado prestado por cada um de nós é fundamental na contenção e evolução desta epidemia que afeta a todos.

Mantenham as medidas de higiene que a organização Mundial de Saúde e da Direção Geral de Saúde recomenda para reduzir a exposição e transmissão da doença e de fazerem distanciamento e isolamento social.

Na relação entre o COVID – 19 e a alimentação não existem soluções mágicas no estado atual, não havendo ainda evidência científica. Esta também é diminuta relativamente à relação entre a alimentação e o reforço do sistema imunitário. Em geral um estado nutricional bom e uma boa hidratação contribuem para um estado de sistema imunitário ótimo!

Com base nestes pressupostos enumero alguns cuidados alimentares e outros de uma forma geral para melhorar o nosso sistema imunitário e estarmos mais preparados para enfrentar o COVID – 19.

  • Ingerir mais vitamina C – coma mais verduras de uma forma geral: salsa, couve-galega, couve-de-bruxelas, couve-portuguesa ou penca, pimento, grelos de nabo e de couve, agriões, couve-flor, couve-lombarda, coentros, couve-roxa, brócolos, couve-branca, espinafres;
  • Comer 3 porções de fruta, que devem ser escolhidas as mais ricas em vitamina C, distribuídas ao longo do dia (pequeno almoço, almoço e jantar) como por exemplo Kiwi, papaia, laranja, morango, toranja, clementina, nectarina;
  • Ingerir alimentos com probióticos como por exemplo iogurtes com bifidus ou Kefir para otimizar a saúde do intestino;
  • Comer alimentos ricos em selénio como nozes, avelãs, gema de ovo, ostra, camarão, amêndoas, alho, espargos, entre outros;
  • Abusar de alimentos ricos em zinco como ostras, vísceras de animais, sementes de abóbora, sementes de girassol, feijão e amêndoa;
  • Comer mais cogumelos, peixe gordo e alimentos ricos em ferro como vísceras de animais e leguminosas;
  • Usar e abusar do alho, de preferência macerado; utilize o cravinho e o açafrão se possível;
  • Beber mais água ou tisanas;
  • Praticar uma culinária saudável,
  • Diminuir o consumo de fritos, fast-food e de alimentos processados;
  • Praticar exercício físico em casa;
  • Ter um bom sono de forma que seja reparador;
  • Diminuir o stress, mantendo-se informado, mas não veja notícias em demasia.

É necessário manter uma dieta equilibrada e uma boa hidratação para uma vida com mais saúde.

Cuide-se e cuide de quem mais ama!

Isabel Moreira

Céd. Prof. 1064 ON